Competências para a vida

O Projeto "Competências para a vida" oferece aos alunos da Educação Infantil ao Ensino Médio ações que visam à promoção de habilidades e valores que, comprovadamente, ampliam as possibilidades de uma vida mais equilibrada e produtiva. A proposta autoral, implantada em 2015, privilegia o estímulo de atitudes que favoreçam interações sociais positivas e responsáveis.

Pesquisas e projetos realizados em diversos países têm demonstrado que o ensino intencional e direto em competências e valores contribui de forma significativa para o bom desempenho acadêmico, melhoria na qualidade das relações sociais, compreensão e manejo das emoções e, por consequência, maiores oportunidades de sucesso profissional e pessoal.

Pesquisas aplicadas em escolas americanas que promovem atividades de aprendizagem socioemocional mostram que:

  • 85% dos alunos sentem-se seguros na escola e dizem que bullying é raro.
  • 89% das escolas relataram queda em suspensões ou situações de indisciplina.
  • 87,7% das escolas aumentaram notas em matemática e leitura.
  • 89% dos funcionários sentem-se recompensados pelo seu trabalho.
  • Fonte: character.org

     

    As competências e suas definições

    Por meio de um trabalho integrado com toda a comunidade escolar, no ano de 2014, foram definidas nove competências a serem trabalhadas e vivenciadas nas atividades e práticas cotidianas do Colégio Jean Piaget.

    A proposta foi dividida em dois grupos:

  • Competências de desempenho - São elas: autocontrole, criatividade, curiosidade/motivação, determinação e responsabilidade. Todas estão relacionadas ao desenvolvimento escolar do aluno.

  • Competências socioemocionais - São elas: autoconhecimento, autocontrole, colaboração, empatia e  respeito/cuidado . Neste grupo, as competências favorecem interações sociais mais positivas e responsáveis, além do melhor enfrentamento de questões emocionais próprias e do cotidiano.

     

    Habilidades do século XXI e perfil do aluno

    Além do trabalho realizado no ensino e no aprofundamento de conceitos em todas as disciplinas, e na promoção de competências e valores, o Jean Piaget preocupa-se em desenvolver junto aos alunos habilidades de aprendizagem importantes para obtenção de sucesso nos anos escolares, no mercado de trabalho e na vida pessoal.

    O perfil de aluno que queremos formar vai ao encontro das consideradas "Habilidades de aprendizagem do século XXI", ou seja, habilidades e competências exigidas e valorizadas no novo formato de sociedade tecnológica, interativa e interdisciplinar que estamos vivenciando. Trata-se de uma modelo social que exigirá, cada vez mais, um indivíduo preparado para lidar com novas formas de realizar tarefas, de lidar com problemas e com relacionamentos interpessoais.

    Estudiosos conceituados na área de educação apresentam as seguintes habilidades:

  • Resolução de problemas.
  • Pensamento criativo.
  • Comunicação e colaboração.
  • Pensamento crítico (desafiar, debater e discutir).
  • Tomada de iniciativa.
  • Tomada de decisões (comparar, analisar, selecionar e justificar).
  • Análise e avaliação de informações e ideias.
  • Determinação de metas.
  • Fonte: The Partnership for 21st Century Skills

    Ações

    » Atividades periódicas em sala de aula

    Momentos de reflexão, discussão, vivência e dinâmicas são realizados em sala de aula pela equipe de orientação junto aos professores. O objetivo principal das atividades é levar o aluno a expor seus pensamentos e sentimentos sobre temas relacionados a competências e valores.

    » Integração com o currículo escolar

    Capacitados para o trabalho com competências/valores, os professores do Colégio realizam atividades de integração e associação de seu conteúdo curricular com valores e competências. Situações do cotidiano escolar também são aproveitadas como oportunidades de vivência em valores. Segundo o Programa de Avaliação Internacional de Estudantes (PISA) de 2012, a relação professor-aluno está fortemente associada ao engajamento com a escola.

    » Materiais de apoio

    A equipe de profissionais de orientação educacional elaborou um conjunto de atividades, projetos e vivencias, além de adaptar outros materiais aplicados em várias escolas ao redor do mundo, na construção de recursos educacionais baseados em sólidas referências.

    » Trabalho de orientação

    A equipe de orientação busca realizar trabalhos planejados de acordo com as necessidades de cada faixa etária e com foco no incentivo às potencialidades individuais de cada aluno. Os trabalhos têm como base os conceitos de "coaching" (desenvolvimento de habilidades e competências de curto prazo) e "mentoring" (desenvolvimento de habilidades estrategicas a longo prazo). Pais e familiares, também, são considerados parceiros no projeto.

    Colaborador

    » Gary Smit

    Dr. Gary Smit é palestrante, consultor e educador na área de valores e competências. Com vasta experiência no campo da educação, foi diretor e professor de escolas em Illinois e Wisconsin (USA) durante 25 anos.

    Treinador do maior programa de educação de valores dos Estados Unidos, o “Character Counts!” e autor do livro “Instilling Touchstones of Character”, lançado em 2014, Dr. Gary Smit esteve no Colégio Jean Piaget para oferecer suporte, apoio na implantação do projeto Competências para a vida.

    Vídeos

    Programa TDB - TV Santa Cecília
    Tema: Colégio recebe Gary Smit
    Duração: 19' 57"
    Quatro pilares - Gary Smit
    Tema: Aprendizagem socioemocional
    Duração: 2' 22"
    Leo Fraiman
    Tema: Limites
    Duração: 15' 28"
    Mário Sergio Cortella
    Tema: Educação x Escolarização
    Duração: 9' 23"